Acidentes domésticos com pessoas idosas

Um estudo realizado em 2005 pelo Observatório Nacional de Saúde de Portugal, órgão que coordena o sistema nacional de recolha de dados sobre os acidentes domésticos, relata que, 15% do total de acidentes ocorridos no país foram com pessoas de idade superior a 65 anos. Curiosamente, 65% destes acidentes foram domésticos, sendo três vezes mais frequentes os acidentes entre as mulheres do que entre os homens.

Acidentes domésticos com Idosos
Este mesmo estudo indicou que os acidentes domésticos ocorrem quando o idoso está a praticar atividades quotidianas comuns, como cozinhar, comer, caminhar, entre outros. As lesões pós queda mais significativas são: concussões, contusões, hematomas, traumatismos,
choques violentos, e ferimentos principalmente na cabeça e/ou nos membros. O tempo médio de internamento hospitalar aumenta significativamente com o avanço da idade, sendo em média de 11 dias para os idosos acima dos 75 anos.

Factos:
- Anualmente, 33% dos idosos sofrem algum acidente doméstico
- A grande maioria dos acidentes com idosos ocorrem em casa
- A queda é a principal forma de incidente entre idosos
- O tempo de internamento por acidente com idosos é cinco vezes maior se comparado com as crianças

Devido ao altíssimo número de incidentes domésticos anualmente em Portugal - mais de 600 mil - a Quemais disponibiliza a pulseira de segurança para idosos, que através de um sinal sonoro de alto volume, alerta vizinhos ou quem o possa socorrer.
Seja por queda, indisposição, ameaça, tonturas, falta de ar,... ao toque de um botão, é possível chamar por ajuda, e evitar assim complicações mais graves.

Compre a pulseira de segurança para idosos em Quemais.pt

pulseira de seguranca para idosos / queda  pulseira de seguranca para terceira idade caso de queda  pulseira de seguranca para seniores em caso de emergéncia

Fonte: Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge. Observatório Nacional de Saúde. ADELIA – Acidentes Domésticos e de Lazer Informação Adequada. Relatório 2005